Ele é romântico, clássico, sexy e andam dizendo que será o hit do inverno. Estou falando dele, é claro, o digníssimo BATOM VERMELHO!

Hoje, trago-lhes dois dos batons vermelhos vivos arrasadores da MAC que adoro: Russian Red e So Chaud.

     

Para continuar vendo o post, clique no link abaixo.

Bom, vamos começar com a review! Seguem fotos dos batons sem flash e com flash (*please, não reparem nos meus dentes levemente tortos! rs).

  

  

Uma pena a câmera não ter feito muito jus às cores dos batons, mas a diferença entre eles é realmente sutil. Se vocês repararem bem vão notar que o So Chaud puxa mais para um vermelho alaranjado, um tom mais aberto,  alegre, como eu diria… mais CHEGUEI! Arrasa na balada!! Enquanto o Russian Red – um dos queridinhos da mulherada – é um vermelho mais intenso, um pouco mais sério, mas não deixa de ser vivo.  O considero um vermelho fatal, super elegante! Tem marcado presença constantemente em festas das celebridades.

Ambos possuem textura matte, ou seja, têm mais pigmentação, garantem uma ótima cobertura e são opacos, mais secos. Logo: pra tirar da boca é uma verdadeira LUTA! Possuem uma excelente duração.

Dica: se você tem lábios finos, uma forma de ganhar mais volume é contornar a boca com um lápis labial com um tom  parecido com o do batom, assim você ganha alguns milímetros a mais que fazem uma incrível diferença. 😉

E aí girls, curtiram? Estão prontas para arrasarem com a bocona vermelha puro luxo? Espero que sim!! hehe

Desculpem-me pelo post simples, procurarei melhorar nos próximos e com fotos que valorizem a cor real dos batons.

Beijos vermelhos pra vcs! :* muack

  1. AmPAN says:

    hmm.. vermelhão é lindo mesmo, sempre!!!!! *-* arrasa demais.!!!
    usei algumas vezes, vermelho… mas foi mais pra zuar na balada pra deixar td mundo marcado!!! hahahahah

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>