“Encaro a mim mesma no espelho, frustrada. Maldito cabelo, que simplesmente não obedece, e maldita Katherine Kavanagh que resolveu ficar doente e me submeter a essa tortura. Eu deveria estar estudando para as provas finais, que são daqui a uma semana, mas estou tentando amansar meu cabelo com a escova.”

Se teve quem considera-se “A seleção” um livro machista,acredito que dessa vez serei queimado em praça publica,sim! Eu li a trilogia Cinquenta tons e mais surpreendente ainda (Eu também fiquei surpreso) eu gostei.O livro é é alvo de muitas criticas e vou apresentar motivos que podem levar você a se interessar,e motivos que podem fazer você odiar a trilogia!

Conhecido como “Pornô para mamães” por se tratar de um livro erótico direcionado a mulheres,e por Zeus,ele estava em todo canto (ainda esta,mas em menor proporção) o livro rapidamente chamou atenção da critica,Se você não teve paciência para ler Crepusculo provavelmente vai abandonar o primeiro livro.Quando eu peguei 50 tons de Cinza pra ler,eu não sabia NADA sobre a historia,houve momentos (antes de eu descobrir que o Christian Grey era fã de BDSM) em que eu lia e ficava pensando “POR FAVOR NÃO SEJA UM VAMPIRO”(Não sei se é de conhecimento de todos mas foi de uma FanFics de Crepusculo que surgiu 50 tons).

 

A protagonista Anastasia Steele é a tipica protagonista com pouca personalidade e que como a maioria das mulheres,se acha feia de mais para arrumar alguém (Acredito que esse seja um dos pontos que faz as mulheres se identificarem,pois é raro alguem que conheça de verdade seu potencial) o fato de ela não ter personalidade é para fácil identificação com qualquer uma.Em contra ponto temos Christian Grey um milionário com gostos excêntricos no quesito sexo e que promete tratar suas submissas como rainhas (Quando elas não estiverem amarradas e amordaçadas).

Com isso temos o efeito “A Bela e a Fera”,onde a moça inocente se apaixona pelo “cara mau” que pode trazer perigos (e finalmente alguma emoção) a vida dela.E assim centenas de garotas acabam apaixonadas pelo Grey,pois como toda Fera,ele guarda um lado romântico e sensível que só sera revelado para a moça que conseguir alcançar seu coração.

Muito Clichê até aqui certo? Então oque tem de novo que atrai tanta gente? Simples,BDSM (Bondage,Dominação,Submissão e Masoquismo) é um assunto polêmico que no livro é tratado com naturalidade pois Ana esta conhecendo esse “mundo”,então os(as) leitores (as) acabam conhecendo junto! Se você procura um livro pornô,não leia 50 tons! Mas se tiver curiosidade,e quiser apimentar a relação… não custa nada tentar! O chamado “efeito 50 tons” em casais é real,e esse video mostra exatamente como acontece

 

São livros de leitura rápida,e de certa maneira até mal escrito! Mas o segundo e o terceiro compensam em ação,apesar de eu ter considerado o desfecho sem graça a historia de vida do Grey e todas as razões dele ser quem é compensam a leitura (Ao contrario da Ana,ele é bem estruturado).

A trilogia vai ganhar uma versão para os cinemas,mas infelizmente não sabemos quem serão os atores ainda,pois toda semana surge um rumor novo! Eu sou #TeamIan #TeamEmma

 

darcy

Com o sucesso de 50 tons,foram lançados mais 300 tons! Pois agora toda livraria tem inumeros titulos fazendo referencia ao titulo! Eu li dois desses “extras” 50 tons de Mr.Darcy que não merecia nem ser publicado de tão ruim,é uma sátira horrivel e com piadas que além de serem de baixo nível não tem a menor graça a não ser que você seja fã de Zorra Total e afins.E temos também 50 Vergonhas de Cinza que é uma comédia para quem leu a trilogia original.Pois aponta de maneira engraçada todas as falhas dos livros,esse vale a pena

vergonhas

 

 

E vocês,já leram 50 tons? Algum outro livro do gênero? Oque acham deles? E por Zeus,não confundam as coisas:

 

  1. Otome Person says:

    Kei… mudando completamente de assunto, eu tenho duas perguntas:
    Terminou de ler a Marca de Atena?
    Você gosta de Harry Potter?
    Se gosta, já leu a Arma Escarlate?
    Foram 3 mas ah… é isso

      • Otome Person says:

        Tem umas imprecisões, mas eu gostei muito, adapta bem a história de Hp pra um cenário mais brasileiro, e os personagens são envolventes, a ponto de querer brigar com eles as vezes
        O final de A Marca de Atena… sem spolier pros coleguinhas maaaaaas, é muito… intenso? (seria essa a palavra?)

          • Otome Person says:

            O próximo livro vai ser muito muito, tipo, duas frentes de batalha, e o lado da Anabeth e do Percy não vai ser nada fácil, e eu temo pelo Leo, sei lá, acho que a vida dele corre sério risco, acho que ele ou o Frank morre com certeza

          • Otome Person says:

            Dá uma dó da Piper, ela se sente tão inútil, filho de Zeus? Eu ainda não descobri meu pai olimpiano, desconfio que seja Hades hehehehehe

          • Otome Person says:

            Maldade coitadinha, kkkk pra uma filha de Afrodite até que ela é bem útil, mas é que não dá pra evitar ficar comparando ela com a Silena.
            Eu também posso ser filha de Zeus, e se Poseidon pudesse ter filhas seria perfeito, pq eu sou muito retardada

          • Otome Person says:

            Posso ficar aí enquanto não tenho certeza? papito tá com preguiça de me mandar um sinal aparentemente kkkkkkk
            não sei pq mas acho que Apolo combina bem com a Ami

          • Geekiss says:

            Pois éé, eu inclusive sou filha de Apolo desde ANTES de ler Percy Jackson HAHAHAHA acho que temos afinidades mesmo 😛

  2. Sakiy says:

    Se no #TeamEmma ali você se referiu à Emma Watson, bom… Ela disse no twitter que não iria fazer o filme (graças a deus /corre) XD. Bom, eu não curti muito ler Crepúsculo então nem vou gastar muito meu tempo lendo esse :/

  3. Myla Miranda says:

    Olá Keitaro, primeiramente, parabéns pelo post. Muito importante esse destaque no final.

    Pois bem, em um mundo como o de hoje, onde você não pode gostar de nada que não seja o “padrão”, ler um livro como 50 Tons de Cinzas te faz ser alvo de olhares tortos.
    O que muitas pessoas não conseguem entender é que não é um simples livro que vai traçar todo o perfil/caráter/personalidade/psicológico de uma pessoa. Em outras palavras, não é por ler 50 Tons que você vai começar a praticar aquilo que está no livro. Mas se começar, poxa que legal, seja feliz.
    O que mais me surpreendeu foi justamente esses 300 mil tons genéricos que foram engatando aí, um exemplo deles é 50 Tons na Prática (eu sou do tipo de pessoa que não julga um livro pela capa mas pelo título e, esse… me fez rir muito).
    Quando comecei a ler 50 Tons, por recomendação de uma amiga, me interessei bastante pela história e, ao contrário do seu relato, o primeiro livro me prendeu bastante (talvez porque eu estivesse muito empolgada pra começar a ler), eu o li em menos de uma semana, o que em período de faculdade e provas é meio difícil de conciliar. Atualmente, estou lendo o último, mas confesso que não se compara ao efeito do primeiro livro (mas quem sabe, isso pode mudar).
    Em relação às diversas especulações que fazem parte de um ritual de todo-o-santo-dia alguém ser cotado pra ser o Sr. Grey, devo dizer que, desde que vi o Stephen Amell atuando em Arrow, só consigo imaginar ele para o papel.

    • Keitaro Urashima says:

      Oq eu achei legal nesse ultimo foi a historia do Grey! Pq ele é o unico personagem com profundidade! E é importante destacar esse final… tem gente que acha que é td a mesma coisa!

  4. Isis Alvarez says:

    Olá olá rapaz!!
    Gostei muito do que você falou sobre a trilogia!! Particulamente eu li os três livros, odeio o segundo, devo dizer que o segundo livro é o pior livro que já li na minha vida. Mas o primeiro e o terceiro valem a pena! É uma leitura de diversão.. e realmente… a parte “porno” tá mais para um manual de como montar a tv a cabo.
    Enfim, fico feliz que vc gostou do livro… muito embora ele seja fraco em diversos aspectos. E não vou ler 50 tons de Mr. Darcy, tinha ficado curiosa mas o seu comentário totalmente me desaniou!
    Quanto a livros desse genero… recomendo 100% Toda Sua (Bared to you) da Sylvia Day, o inicio é um pouco parecido com 50 tons de cinza mas livro é muito melhor (na minha humilde opinião) que 50 tons!! É uma trilogia tb!
    Beijocas, Isis

    • Geekiss says:

      Caraca Isis, a review “o segundo é o pior livro que já li na vida” foi forte. hauhauhauhauha Vou ler Bared to you então, que vem melhor recomendado. LOL

      • Isis Alvarez says:

        Eu sei, eu sei… usei um termo forte… mas efetivamente o segundo livro, o 50 Tons mais escuros, é muito ruim, até hoje foi o pior livro que já li mesmo!! Eu acho que só deveria existir o 1º e o 3º livro! Até pq… no 2º não acontece nada mesmo! uu’
        Leia Bared to you!! É maravilhoso! A história é muito boa, os personagens são maravilhosos… é T-U-D-O-D-E-B-O-M! <3 Estou contando os dias para sair o último da trilogia (sai agora no fim do mês)!
        =^.~=

    • Talita Martins says:

      Hehe concordo 100% com vc Isis…Li os três e tbm detestei o segundo…custei a terminar de ler ele…O primeiro e o terceiro são legais.
      :*

      E Ah! Keitaro…tem uma trilogia de BDSM da Anne Rice (a escritora de Entrevista com Vampiro….sou super fã dela! :3) beeeeem mais pesada (se eh q vc me entende ehuehueh) que 50 tons e foi inspirada na Bela Adormecida…se chama Os desejos da Bela Adormecia, A Punição de Bela e A Libertação de Bela…é bem interessante…se vc gostar da Anne eu recomendo!!!!
      :*

      • Isis Alvarez says:

        Hey!!!
        Tenho muita vontade de ler a trilogia da Bela Adormecida da Anne Rice!! Li as crônicas vampirescas até a última página e muitos livros dessa coleção ainda são meus preferidos, mas só ouvi falar da trilogia da Bela agora inicio do ano! Seu comentário me deixou ainda mais curiosa!!
        =^.~=

        • Talita Martins says:

          Então…eu to acabando o ultimo e ele é o melhor *–* Que bom saber que vc é fã…acho q tbm vai gostar :D… e ele é pesadinho viu…eu ficava com vergonha de ler e alguém parar atras de mim rsrsrs
          =*

          • Talita Martins says:

            hsauhsuahsuahsauha admiro isso..uma vez tava lendo na academia (pedalando) e o instrutor pediu pra ver meu tablet e eu corri pra fechar o livro…mas não deu tempo ai ele tomou o bendito da minha mão e leu o primeiro paragrafo -.-‘…resumindo, ele me zoa ate hj huashuahuash

          • Talita Martins says:

            hsauhsuahsuahsauha admiro isso..uma vez tava lendo na academia (pedalando) e o instrutor pediu pra ver meu tablet e eu corri pra fechar o livro…mas não deu tempo ai ele tomou o bendito da minha mão e leu o primeiro paragrafo -.-‘…resumindo, ele me zoa ate hj huashuahuash

          • Talita Martins says:

            hsauhsuahsuahsauha admiro isso..uma vez tava lendo na academia (pedalando) e o instrutor pediu pra ver meu tablet e eu corri pra fechar o livro…mas não deu tempo ai ele tomou o bendito da minha mão e leu o primeiro paragrafo -.-‘…resumindo, ele me zoa ate hj huashuahuash

  5. Karen Carvalho says:

    Ai, Kei~ ._.
    Eu vou ser bem chata, porque eu acho a “história” (que pra mim nem história tem) uma porcaria completa. Eu sei que é um livrinho meia boca pra ler e se divertir, mas meu Deus do céu, é horrível. #corre
    As partes que são ‘eróticas’ (leia-se pornô barato) são pessimamente escritas e a Anastasia é uma retardada, sério. Odeio, odeio odeio. ._.

  6. Sthéfani Paiva says:

    Li a trilogia e gostei. Não é a oitava maravilha no mundo, mas é um livro de puro entretenimento. Nada de leitura pesada. é um livro fraco em vários quesitos, mas vale a leitura (na verdade, só recomendo o primeiro, devia ter acabado lá e ponto final, mas escreveu o resto…).

    Mas no estilo literatura pornográfica, indico a série dos livros da Irmandade da Adaga Negra da J. Ward. Série maravilhosa! É vampiros, mas n tem nada parecido com Crespusculo.

  7. Camila Mydori Tasaka says:

    Não vou comentar sobre o livro pq não os li, mas se eu tiver a oportunidade, os lerei.
    Livros eróticos eu curto muito Dark Hunters e Senhores do Submundo. Adoro.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>